3.10.08




...Menininha do meu coração... não cresca mais não
fique pequinininha
nessa minha canção
senhorinha levada
batendo palminha
fingindo assustada do bicho-papão...


...fique assim,
fique assim,
sempre assim
e se lembre de mim
pelas coisas
que eu dei
e tambem não se esqueca de mim...
empresto de Vinicius de Moraes os trechos desta cantiga, para dizer do amor que sinto, pela menininha que hoje completa seus 30 anos, mas que a mim ainda parece ser a menininha chorava de medo de ficar na escolinha , que nao aceitava que eu a companheira quisesse parar de brincar de bonecas ou que exausta adormecesse antes que ela tivesse esgotado toda sua energia.

Mas começamos a crescer ...
E depois , vieram outras fases!
e trabalhava para dar-lhe tudo que me pedia,
levá-la aos lugares dos mais adultos ,
comprar desde Minie ate sandalias da moda!

e continuamos a crescer...
a fase agora é outra

somos comadres, brincamos com o nosso boneco que dividimos com amor
nao trabalho mais para dar-lhe as coisas, mas as faço e continuo compartilhando de suas "brincadeiras" hoje adultas e profissionais, mas não menos rica de verdade que as de outrora.

Mô, Didi, filha minha

te desejo de toda alma e coração que os anjos do céu continuem mantendo a luz que voce sempre teve e que há de iluminar o mundo dos seus sonhos!

Felicidades.

com amor e ternura

2 comentários:

FINA FLOR disse...

Karin, que liiiiiiiiiindo!!!

Quase chorei, aqui!!!

Que cantiga mais linda essa do Vinícius e que maneira mais singela de falar sobre nossa amizade.

OBRIGADA, não há palavras para agradecer esse carinho que tanto me fortalece.

Beijos, te amo

FINA FLOR disse...

ah, e adoreeeeeeeei essa fotinho :o)

beijos

MM.